8 Principais suplementos para a saúde do cérebro

Publicado em 08/05/2022 por

Além dos alimentos, os suplementos também podem ajudá-lo a otimizar as funções cerebrais. Os suplementos naturais são os melhores porque fazem o que você espera, sem colocá-lo em risco de efeitos colaterais insuportáveis.

Aqui estão alguns suplementos benéficos que podem ajudá-lo a melhorar a saúde e a capacidade do cérebro:

Creatina

A creatina é uma substância natural útil no metabolismo energético. É encontrada principalmente nos músculos, mas em pequenas quantidades no cérebro. É um suplemento popular que você pode comprar nas lojas. Ainda assim, está presente em alguns alimentos, como ovos, peixes e carnes. Este suplemento é crucial para vegetarianos por causa de sua escolha de comer apenas plantas.

Acetil-L-Carnitina

Assim como a creatina, este suplemento é produzido naturalmente no corpo. É um aminoácido que desempenha um papel crucial em seu metabolismo. É particularmente importante na produção de energia. Estudos provaram que tomar suplementos de acetil-L-carnitina pode fazer você se sentir mais alerta, desacelerar a perda de memória relacionada à idade e melhorar a memória. A maioria das lojas de vitaminas tem esse suplemento.

De acordo com alguns estudos com animais, este suplemento pode ajudar na prevenção do declínio da função cerebral relacionado à idade e aumentar a capacidade de aprender. Estudos em humanos também demonstraram que pode ser útil para desacelerar o declínio da capacidade cerebral em decorrência da idade. Também pode ajudar a melhorar a função cerebral de pessoas que lutam contra a doença de Alzheimer e a demência leve.

Resveratrol

Este é um antioxidante que ocorre naturalmente na casca de frutas roxas e vermelhas, como framboesas, uvas e mirtilos. Também está presente no chocolate, amendoim e vinho tinto. A evidência da pesquisa mostra que o consumo de resveratrol pode prevenir a deterioração do hipocampo. O hipocampo é uma parte importante do cérebro que desempenha um papel vital na memória.

Além disso, pode atrasar o declínio da função cerebral, que muitas pessoas experimentam à medida que envelhecem. Em um estudo envolvendo um pequeno grupo de adultos mais velhos saudáveis, foi descoberto que consumir 200 mg deste suplemento todos os dias durante 26 semanas melhora a memória. Você pode encontrar este suplemento nas lojas e online se estiver interessado em experimentá-lo.

Fosfatidilserina

A fosfatidilserina é um tipo de composto de gordura conhecido como fosfolipídios. Ele pode ser encontrado no cérebro. Estudos sugeriram que tomar este suplemento pode ajudar na preservação da saúde do cérebro. Por exemplo, um estudo mostrou que tomar 100 mg deste suplemento três vezes ao dia pode levar a uma redução no declínio relacionado à idade na função cerebral.

Além disso, a pesquisa mostrou que pessoas saudáveis ​​que tomam até 400 mg deste suplemento por dia melhoraram a capacidade de raciocínio e a memória. Apesar dessas descobertas promissoras, mais estudos são necessários para se ter uma ideia melhor de seu efeito no cérebro. Você não achará difícil encontrar este suplemento nas lojas online e offline.

Ginkgo Biloba

Ginkgo biloba é um suplemento de ervas popular derivado da árvore conhecida pelo mesmo nome. É uma substância potente que muitas pessoas tomam para ajudar a aumentar seu poder. A boa notícia é que não há restrições à sua venda. Assim, você pode encontrá-lo facilmente nas lojas online e offline. Os especialistas acreditam que ele funciona aumentando o fluxo sanguíneo do cérebro, aumentando assim as funções cerebrais, como memória e foco. Não há dúvida de que este suplemento goza de ampla aceitação. Os estudos sobre seus efeitos e benefícios foram mistos.

Alguns estudos mostraram que tomar essa substância pode ajudar na redução do declínio da função cerebral relacionado à idade. Um estudo específico envolvendo pessoas de meia-idade descobriu que tomar suplementos de Ginkgo biloba pode ajudar a melhorar a memória e as habilidades de pensamento.

No entanto, os resultados não foram os mesmos em todos os estudos. Portanto, mais pesquisas são necessárias a esse respeito para ajudar a compreender melhor como as pessoas podem se beneficiar ao tomar este suplemento. Entretanto, continua a ser um dos suplementos mais usados ​​em todo o mundo.

Ácido fólico

As vitaminas B6, B12 e B9 desempenham papéis cruciais na saúde do cérebro, de acordo com vários estudos. Ainda assim, não é recomendado que você os tome, a menos que esteja grávida ou com pouco deles. Freqüentemente, são recomendados para mulheres grávidas porque ajudam na prevenção de defeitos congênitos.

Também é provável que o seu médico o recomende se você tiver uma grande chance de sofrer da doença de Alzheimer. Alguns estudos concluíram que as pessoas com alto risco dessa doença podem achar esses suplementos benéficos. Na ausência de recomendação de um médico, é melhor ficar apenas com as folhas verdes.

Ginseng

O Ginseng é freqüentemente usado junto com o Ginkgo biloba. É também um suplemento popular originário da Ásia, como mostra o nome. Assim como o Gingko Biloba, a pesquisa provou que o Ginseng é um potente estimulador do cérebro. No entanto, um determinado estudo não registrou o mesmo resultado.

Portanto, mais pesquisas ainda são necessárias para confirmar os benefícios mentais de consumir este suplemento. Com base em experiências pessoais e outras evidências anedóticas, o Ginseng é útil para aumentar a memória e as funções cerebrais em geral. Ainda assim, se você está preocupado com o suporte científico relativamente baixo para essas afirmações, você não deve fazer isso por enquanto.

Combinações

Alguns relatórios mostraram que a combinação de suplementos pode torná-los mais eficazes. Ainda assim, nunca se esqueça de que os suplementos são substâncias químicas. Portanto, não é do seu interesse experimentá-los à vontade. Você pode estar se expondo a alguns efeitos colaterais devastadores ao brincar com eles.

Além disso, algumas pessoas também afirmam que descobriram que os suplementos são mais eficazes quando os combinam com medicamentos. Isso pode ser verdade. Ainda assim, você não deve presumir quando se trata de drogas. Seu médico está na melhor posição para ajudá-lo a decidir o que é melhor para você nesse aspecto.

O fato de esses suplementos serem de fontes naturais não garante que seja seguro tomá-los. Eles podem interagir com algumas drogas de forma prejudicial em seu corpo. Portanto, nunca tome a decisão de combinar um suplemento com outro ou com medicamentos sem informar o seu médico.

Os especialistas médicos são treinados para lidar com tais situações. Portanto, é melhor confiar em seu julgamento do que presumir que nada dará errado. Você não pode se dar ao luxo de tomar uma decisão da qual se arrependerá no futuro. Pode ser tarde demais para mudar as coisas até então.

Conteúdo Relacionado