Como gerenciar seus sintomas de doença renal crônica

Publicado em 08/24/2022 por

Os sintomas da doença renal crônica variam de perturbadores a dolorosos, mas com estratégias de manejo adequadas, eles não precisam prejudicar sua qualidade de vida.

Os sintomas da doença renal crônica podem ser bastante incômodos. Quando seus rins não estão funcionando como deveriam, isso pode resultar em vários problemas de saúde diferentes, alguns dos quais podem se tornar muito graves.

No entanto, você não precisa apenas aceitar sintomas dolorosos e às vezes ameaçadores como parte de seu novo normal. Você é capaz de fazer alguns ajustes em sua vida para lidar com esses sintomas.

É bastante útil conhecer todos os sintomas que você pode experimentar na doença renal crônica, para que esteja melhor equipado para cuidar de sua saúde.

Sintomas comuns da doença renal crônica

Algumas pessoas experimentam poucos ou mínimos sintomas de doença renal crônica durante os estágios iniciais. Os primeiros sintomas podem ser leves e facilmente confundidos com outros problemas de saúde, pois a maioria dos sintomas não é específica.

É importante conversar com seu médico para esclarecer quaisquer preocupações que você tenha, mesmo que você tenha apenas alguns desses sintomas.

Náusea e Fadiga

O aumento da náusea é um sintoma comum de problemas renais, assim como o vômito. Você pode sentir desconfortos em todo o corpo, como cãibras musculares ou espasmos, e é provável que se sinta mais cansado do que o normal.

Se esses sintomas não tiverem uma causa clara, nem sempre significa doença renal, mas é uma boa ideia procurar atendimento médico de um profissional.

Mudanças no apetite ou hábitos de sono

Problemas renais podem interferir com suas rotinas habituais de dormir e comer. Você pode sentir menos fome do que o normal e, embora seja comum algum nevoeiro cerebral, também pode ter mais dificuldade em adormecer e permanecer dormindo.

Problemas de apetite e sono também são sintomas comuns de uma variedade de condições. Como náusea e fadiga, vale a pena ficar de olho nesses sintomas e abordar quaisquer preocupações com seu médico.

Acúmulo de Fluido

Seus rins controlam a capacidade do seu corpo de processar e eliminar o excesso de líquidos. Quando eles estão danificados, você pode reter líquido, o que leva a um inchaço desconfortável nos braços, pernas, mãos e pés.

O fluido também pode se acumular em áreas mais perigosas, como nos pulmões e ao redor do coração. Se você tiver dificuldade para respirar ou sentir dor no peito, não demore para ser examinado por um médico.

Micção incomum

Como os rins fazem parte do sistema renal, muitas pessoas experimentam mudanças na frequência com que urinam. Os rins não são mais capazes de filtrar e concentrar os resíduos na urina normalmente, o que pode resultar em desejos mais frequentes de urinar.

Este é um sinal especialmente revelador se você acordar com frequência à noite para usar o banheiro. Se a doença renal crônica progredir, sua urina pode se tornar uma cor escura ou incomum, como vermelho, marrom ou às vezes roxo.

Mudanças no estilo de vida para gerenciar os sintomas

Muitas pessoas podem ter sucesso gerenciando seus sintomas apenas fazendo algumas mudanças em seu estilo de vida habitual. Corrigir sua dieta, aumentar sua atividade e diminuir sua indulgência em álcool e tabaco pode evitar que você lide com sintomas mais preocupantes mais tarde.

Ajuste sua dieta

A dieta desempenha um papel enorme em sua saúde geral, incluindo a saúde de seus rins. Uma alimentação saudável pode ajudar bastante a aliviar muitos sintomas.

Tente limitar o número de alimentos que você come que contêm compostos que seus rins lutam para processar. Alimentos que contêm alto teor de sal e alto teor de gordura e alto teor de fósforo, alto teor de potássio e alta proteína devem ser mantidos em um consumo mínimo.

Você também deve ficar de olho no açúcar no sangue, especialmente se tiver diabetes. Adotar uma dieta amigável ao diabetes é fundamental para controlar os sintomas da doença renal e prevenir mais danos nos rins.

Exercício

O exercício é ótimo para o seu corpo, mas você não precisa necessariamente se tornar um rato de academia para ficar em forma. Apenas 30 minutos de exercícios aeróbicos leves algumas vezes por semana podem ter um enorme impacto no seu bem-estar, o que significa que há poucas desculpas para não fazê-lo.

Se você não for capaz de fazer exercícios aeróbicos leves, tente alguns exercícios de força simples com halteres, ou até mesmo alguns exercícios de ioga podem ser úteis. Vale a pena fazer qualquer coisa que faça você se mexer.

Exercício e nutrição adequada são as chaves para controlar seu peso. A obesidade pode exacerbar os danos nos rins, portanto, queimar o excesso de gordura corporal é sempre uma boa ideia.

Evite Tabaco e Álcool

Fumar e beber podem aumentar o risco de desenvolver ou agravar a doença renal crônica em mais de cinco vezes. A melhor coisa que você pode fazer pelo seu corpo é reduzir seriamente ou eliminar os maus hábitos.

Outros tratamentos para doenças renais crônicas

As mudanças no estilo de vida não são os únicos tratamentos disponíveis para doenças renais crônicas. Seu médico pode fornecer recursos importantes para medicamentos e procedimentos que tratam sua condição.

Para os estágios iniciais da doença renal, você pode tomar vitaminas, suplementos e medicamentos como diuréticos. Os estágios posteriores da doença podem exigir um procedimento como um transplante de rim ou um procedimento para facilitar a diálise. Se possível, é melhor prevenir o declínio renal adicional com um tratamento cuidadoso dos rins desde o início.

Pensamentos finais

Os sintomas da doença renal não precisam ser esmagadores. Com o gerenciamento adequado dos rins e pequenas mudanças no estilo de vida, você pode gerenciar seus sintomas com eficiência e manter seus rins o mais saudável possível.

Conteúdo Relacionado